parquedasnacoes

/The Man

About The Man

This author has not yet filled in any details.
So far The Man has created 50 blog entries.

INTERCASA, de 18 a 22 de Outubro

EM OUTUBRO VÁ À INTERCASA 2017 

“Faça da sua casa a melhor casa do mundo”

A INTERCASA regressa à FIL entre os dias 18 e 22 de Outubro com novo conceito e muitas novidades. “Faça da sua casa a melhor casa do mundo” é o mote da 41ª edição, focada em Ambientes e Tendências e destinada a um público cada vez mais exigente e aberto a novas experiências.

Os quatro grandes sectores da Feira – Interiores, Exteriores, Remodelação e Tecnologia – visam proporcionar uma experiência no mundo da decoração e bem-estar em casa, para que cada visitante “Faça da sua casa a melhor casa do mundo!”.

Sendo interacção e experiência as palavras de ordem, os visitantes terão a possibilidade de se inscrever antecipadamente em diversas atividades através do site www.intercasa.fil.pt.

“Pergunte a um Profissional” é o espaço dedicado ao esclarecimento e aconselhamento profissional para projectos de remodelação; “Ambientes e Tendências”, o espaço em que arquitectos e decoradores fazem propostas de decoração e interiores e exteriores, procurando oferecer soluções inspiradoras; “Be Home Chef”, showcooking com partilha de receitas e dicas práticas de culinária; e ainda workshops de dicas decoração e remodelação com atelier Faça você mesmo”.

O conceito deste ano reflecte a nova forma de estar e viver a casa, alinhado com o desejo de personalização e a crescente valorização da cozinha e casa de banho, às quais será dado especial enfoque.

“Mais do que expor produtos e soluções para a casa, a INTERCASA procura proporcionar experiências e gerar a participação dos visitantes. Só assim as pessoas conseguem projectar a remodelação ou uma nova decoração dos seus espaços, com o acompanhamento personalizado de profissionais”, esclarece Fátima Vila Maior, directora da INTERCASA.

A INTERCASA 2017 decorre em simultâneo com o Salão Imobiliário de Portugal, o Lisboa Design Show e o Vintage Festival, procurando inspirar os mais diversos gostos e estilos e dar a conhecer as novidades do sector.

Para aceder a informação útil sobre a Feira por favor consulte: www.intercasa.fil.pt

INTERCASA, de 18 a 22 de Outubro2018-01-18T10:45:38+00:00

Literacia: Desafios num mundo em mudança

Futurália 2020: Indústria 4.0: Aprender, Trabalhar e Competir

12 de setembro, 9H30, Centro de Congressos de Lisboa (Junqueira), Auditório III

Sabia que, em 2016, 7,9 % da população residente em Portugal com 15 e mais anos não dispunha de qualquer
tipo de escolaridade, segundo dados da PORDATA?

Sabia ainda que, no mesmo ano, 61,8 % da população apresentava uma escolaridade igual ou inferior ao
ensino básico (9.º ano)?

Tinha noção que, em Portugal, mais de ¼ das pessoas com qualificações abaixo do 9.º ano, com idades compreendidas entre os 25 e os 64 anos, está em situação inativa ou desempregada? E está ciente que, em breve, irão desaparecer a maior parte dos empregos que são hoje ocupados pelos menos qualificados?

São precisamente questões como estas que justificam o debate que vai ser gerado, no dia 12 de Setembro, no Encontro Literacia: Desafios num mundo em mudança, a realizar no Centro de Congressos de Lisboa (Junqueira).

Neste encontro, com o contributo dos Embaixadores Nacionais da Plataforma Eletrónica para a Educação de
Adultos na Europa (EPALE), será traçado o retrato atual de Portugal nesta matéria e o percurso que se espera
fazer, com uma análise dos impactos das baixas literacias e com as expetativas face a cenários futuros de reforço
da qualificação da população em Portugal.

Haverá ainda espaço para uma reflexão de Marçal Grilo, na qualidade de Presidente do Conselho Estratégico
da Futurália, sobre os novos desafios para a literacia face à digitalização generalizada da economia no contexto
da emergência de uma nova era industrial: Indústria 4.0.

Por fim, será apresentada a publicação Futurália 2020: Indústria 4.0: Aprender, Trabalhar e Competir que
reúne um conjunto de artigos de especialistas e a opinião de diferentes stakeholders que, em março (no contexto
da Feira Futurália), tiveram oportunidade de debater as consequências da aceleração digital para a educação,
formação, economia, emprego e sociedade em geral.

Organizado pela Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional (ANQEP), enquanto entidade responsável pela dinamização da EPALE em Portugal, e pela Fundação AIP, através de Lisboa, Feiras e Congressos, na qualidade de entidade detentora da marca Futurália, este é um encontro onde, mais do que os cenários presentes, se espera antecipar cenários futuros, alicerçados em estratégias de aprendizagem ao longo da vida.

http://www.anqep.gov.pt/inscricoes/

 

 

Literacia: Desafios num mundo em mudança2018-01-18T10:45:38+00:00

FIL preparada para arranque de nova temporada

Intercasa, SIL – Salão Imobiliário de Portugal, LxD – Lisboa Design Show e Vintage Festival, em simultâneo em mais de 40.000 m2 de espaço

Lisboa, 5 de Setembro de 2017 – Tudo a postos para o arranque da nova temporada de feiras e eventos na FIL, com a Intercasa, o SIL, o LxD e o Vintage Festival a abrirem o calendário pós-Verão a partir de 18 de Outubro. A rentrée irá ocupar os quatro pavilhões da FIL e áreas exteriores, numa área de mais de 40.000 m2 de espaço, de animação, curiosidade e negócio. Em 2016, a simultaneidade destes eventos contou com mais de 1.000 empresas, entidades e presenças individuais e recebeu 50.000 visitantes

São quatro os eventos que abrem mais uma época de negócio e lazer para público e profissionais, na FIL, e que decorrem em simultâneo dada a sintonia que os une para os players dos sectores envolvidos e para o grande público que, após uma temporada de descanso, pretendam renovar, adquirir ou dar novos ares aos seus lares.

Na Intercasa, uma feira emblemática já com 40 anos, estarão expostas as últimas tendências para decoração de interiores e exteriores de modo a dar às pessoas ideias para novos visuais e usos aos seus espaços, comprar mobiliário e utensílios de decoração para todos os estilos de vida, indo ao encontro das mudanças e ciclos de cada pessoa ou família. O espaço Ambiente & Tendências volta a desafiar arquitectos e decoradores de interiores para apresentarem em 11 espaços individuais as suas propostas acompanhadas da história/conceito, de modo a dar ao actual consumidor ideias de decoração e remodelação, podendo também saber onde encontrar determinado produto ou comprar directamente.

Mais informações em: http://www.intercasa.fil.pt/

Para quem pretende adquirir, vender ou arrendar casa, o ponto de encontro anual para este propósito é o SIL – Salão Imobiliário de Portugal. O SIL é a plataforma de excelência para investidores, empresários, técnicos, organismos públicos e potencial público comprador, que analisa as oportunidades no mercado nacional e promove a internacionalização. Ao longo de cinco dias realizam-se também, para além do negócio de compra e venda em si, vários debates, workshops, conferências, bolsa de arrendamento, leilões, festa da família entre outros eventos programados dedicados à aprendizagem, networking e promoção de grandes negócios.

Mais informações em: http://www.imobiliario.fil.pt/

O LxD – Lisboa Design Show design market, realiza a sua 8ª edição com mais de 300 designers e criativos, instituições de ensino, marcas emergentes e startups nacionais e internacionais e mais de 20 estilistas africanos, presentes no Africa Fashion. O LxD é o grande palco de promoção e de negócio nacional em quatro grandes áreas do design – Visual Design, Product Design, Fashion Design e Interior Design. Com uma agenda dinâmica, durante cinco dias, para além do network, apresentação de marcas e produtos, e venda directa, o LxD conta com uma vasta programação de actividades entre workshops de modelagem, costura e outros, Talks, conferências, pitchs e os ‘já famosos’ desfiles de estilistas africanos e portugueses, que apresentam as novas colecções na passerelle do LxD.

Mais informações em: http://lisboadesignshow.fil.pt/

A cultura vintage está presente também num salão independente com o Vintage Festival, dando aos amantes e curiosos desta cultura o revivalismo adaptado aos nossos dias nas áreas da moda e acessórios, cosmética, gastronomia, música, coleccionismo, decoração e produtos domésticos. O Vintage Festival vai na sua 5ª edição e ninguém fica indiferente à diversidade de oferta, convívio, entretenimento e compras, com inspiração em épocas mais antigas, mas que se adaptam ou reutilizam às realidades actuais.

Mais informações em: http://www.vintagefestival.fil.pt/

 

 

FIL preparada para arranque de nova temporada2017-09-06T14:54:40+00:00

Proteger a floresta está nas nossas mãos. Fundação AIP é uma das associadas do movimento ECO.

A Fundação AIP associou-se ao movimento ECO. Este movimento reúne um conjunto de empresas nacionais que cedem os seus meios de divulgação próprios, internos e externos, para transmitir mensagens de prevenção dos incêndios florestais.

 

A floresta portuguesa desempenha um papel essencial na economia e no desenvolvimento sustentável do país. Por essa razão, são objetivos primordiais do Movimento ECO:

1. Colaborar ativamente na preservação da floresta, um recurso estratégico para o desenvolvimento do país;

2. Consciencializar a sociedade civil para a necessidade de preservar a floresta;

3. Mobilizar os cidadãos para uma atitude de participação cívica ativa na proteção da floresta;

4. Estimular e sensibilizar as empresas e as instituições para a divulgação de mensagens de prevenção de comportamentos de risco junto dos cidadãos;

5. Reduzir o número de incêndios e a área ardida;

Proteger a floresta está nas nossas mãos. Fundação AIP é uma das associadas do movimento ECO.2018-01-18T10:45:47+00:00

Incêndio de Pedrogão Grande: Fundação AIP associa-se aos 3 dias de Luto Nacional

A Fundação AIP não pode deixar de manifestar os seus sentimentos de força, solidariedade e luto, a todas as entidades e pessoas que estão, desde ontem, num clima de tristeza profunda, a combater os incêndios na zona de Pedrogão Grande apoiando aqueles que mais necessitam a nível psicológico e físico.

A Fundação AIP trabalha durante todo o ano, através das suas equipas da FIL e CCL, com todas as regiões de Portugal nos vários eventos que realiza promovendo a excelência dos vários produtos e serviços, mas acima de tudo as pessoas que são o rosto e os grandes alicerces do nosso País.

A FIA Lisboa – Feira Internacional de Artesanato de Lisboa -, prestes a abrir portas, é representativa de toda essa união. É desta forma que nos juntamos a todos os organismos públicos, entidades e pessoas nas suas mais nobres características que são a comunhão de um povo em torno de uma causa

Incêndio de Pedrogão Grande: Fundação AIP associa-se aos 3 dias de Luto Nacional2017-06-18T16:37:55+00:00

Tektónica e Segurex 2017 reflectiu clima de evolução dos sectores representados com crescimento de número de expositores e visitantes

Tektónica – Salão Internacional da Construção e Obras Públicas e Segurex – Salão Internacional de Protecção, Segurança e Defesa, encerraram as portas, na FIL, no passado dia 6 com 42.000 visitantes e 600 expositores

A 19ª edição da Tektónica decorreu em simultâneo com a 17ª edição do Segurex tendo recebido 41.920 visitantes (aumento de 9% em relação à edição anterior) que durante os 4 dias proporcionaram contactos e oportunidades de negócio, juntamente com os 600 expositores que participaram nos dois certames, dando uma clara visão de crescimento e optimismo nos sectores representados. Duas feiras em simultâneo, que para além de terem proporcionado um ambiente profissional estimulando os negócios a nível nacional e internacional, foram também palco para encontros B2B, conferências, workshops, acções de formação demonstrações e atribuição de prémios.

Os dois salões ficaram marcados pela inovação – espaço de destaque para as novidades apresentadas na feira que visa valorizar e distinguir as empresas que apostam no desenvolvimento de novas tecnologias e produtos – e pela distinção de personalidades e entidades que, ao longo dos anos, têm trabalhado em prol dos sectores destes certames. A gala teve lugar no dia 5 de Maio com a presença de 200 convidados, tendo sido atribuídos 31 prémios e distinções. Com destaque para a personalidade Segurex atribuída ao Dr Rui Pereira, e as homenagens ao Ministério da Defesa, Ministério da Administração Interna e Camara Municipal de Lisboa, pelo seu contributo ativo no enriquecimento dos salões organizados pela fundação AIP, na FIL.

Este ano, todos os visitantes puderam contar com as apresentações de cerca de 50 oradores nas mais de 30 conferências, workshops, seminários, academias e apresentações comerciais que a Tektónica e a Segurex disponibilizaram durante os 4 dias de feira.

A Tektónica conseguiu, num só local, agregar empresas especializadas em materiais e serviços do sector da construção e obras públicas debatendo os principais temas da actualidade do sector da construção entre os players do mercado nacional e de outros mercados internacionais que reconhecem a capacidade de internacionalização das empresas portuguesas. Este ano, o programa Hosted Buyers trouxe à feira visitantes provenientes dos países da CPLP, de Marrocos, da Colômbia, de Espanha, da Arábia Saudita, do Qatar, dos Estados Unidos, de França, entre outros.

Durante o último dia de certame, várias empresas e entidades presentes na Segurex fizeram as delícias de todos aqueles que gostam de ver os profissionais ligados à protecção, segurança e defesa deste país em acção. Puderam assistir operações de resgates no rio tejo, simulacros com enfoque na prevenção, combate, socorro e salvamento e, ainda, demonstrações feitas pelas forças de segurança na área exterior do pavilhão onde decorreu o Segurex.

O Segurex, tendo representadas todas as forças e entidades envolvidas nas missões de Proteção, Segurança e Defesa Nacional, é o palco adequado para reforçar a operacionalidade desses recursos, e proporcionar exercícios e simulacros que ajudem na boa articulação dos mesmos, mantendo o elevado grau de eficácia e prontidão.

Tektónica e Segurex 2017 reflectiu clima de evolução dos sectores representados com crescimento de número de expositores e visitantes2018-01-18T10:45:47+00:00

Inovação, personalidades e empresas distinguidas na 3ª cerimónia de entrega de prémios Tektónica e Segurex 2017

O dia 5 de Maio ficou marcado pela 3ª cerimónia de entrega dos prémios Tektónica e Segurex 2017 com 20 e 11 distinções, respectivamente. Esta gala teve como principal objectivo, permear e distinguir pessoas, empresas e entidades, que ao longo dos anos têm trabalhado em prol do sector da Construção e da Segurança com competência, qualidade e visão sobre o futuro.

 

TEKTÓNICA 2017       

Os prémios Tektónica, que assinalam áreas tão importantes como a formação profissional, a investigação, desenvolvimento e inovação e, ainda, a internacionalização foram os primeiros a ser entregues. O Prémio Academia Tektónica 2017, que se realiza pela 5ª vez, foi atribuído ao  ISCTE, Mapei, Preceram (Argex e Gyptec), Heaboo, Gosimat e CENFIC .

A iniciativa “Portugal Constrói uma Identidade” tem como objectivo distinguir as empresas portuguesas fabricantes que mais contribuem para o desenvolvimento e afirmação de uma identidade portuguesa. Os permeados no âmbito do Portugal Constrói foram SANINDUSA, ATZ; AMORIM REVESTIMENTOS, GYPTEC e ARGEX UTILZAS, GRANITRANS, SECIL, INAREL e WHITE MINERALS.

O prémio Inovação é anualmente atribuído a produtos cuja inovação é evidenciada através das vertentes técnicas, funcionais ou estéticas e, este ano, o prémio na área da inovação 2017 foi atribuído ao Tudo Solar Heavy Floor Soled, da Chatron. Nesta área foram ainda entregues 2 menções honrosas, distinguindo a Banita, Lda com o produto Sanita Bidé, e a Heaboo  com o produto Box Hoterway .

O prémio arquitectura Tektónica 2017 foi atribuído aos arquitectos Francisco Vieira e Cristina Guedes, do Gabinete Mais é Menos, os representam uma nova geração de profissionais. É esse entendimento da complexidade dos valores da Tektónica, expressos na pormenorização, nas volumetrias ou na escolha dos materiais, que foram distinguidos .

No mesmo contexto, o prémio engenharia TeKtónica 2017 foi entregue à Engenheira Rita Moura, presidente do Cluster AEC – Arquitectura Engenharia e Construção e da PTPC (Plataforma Tecnológica Portuguesa da Construção) entre muitos outros cargos.

 

SEGUREX 2017

No seguimento dos prémios da Tektónica 2017 e no mesmo contexto, no âmbito dos prémios da Academia Segurex, foram distinguidos  Sintimex, Vianas e  Escola Nacional de Bombeiros.

O prémio Inovação Segurex 2017, que valoriza os produtos, serviços ou equipamentos inovadores e distingue as empresas que apostam no desenvolvimento de novos produtos, consagrou o 1º Prémio a Micotec Electrónica, Lda com o Produto Brain Fingerprinting

Neste contexto, foram entregues três menções honrosas, primeiramente à empresa Bernardo da Costa, pelo produto Exva People Counting, a 2ª menção honrosa foi entregue à Guarda Nacional Republicana pelos produtos GNR Mobile – Projecto de Mobilidade da GNR; Projecto Life Rupis – Equipa Cinotécnica com capacidade para detecção de venenos e iscos envenenados a animais selvagens mortos no douro internacional e Apperegrinos – Aplicação móvel gratuita de apoio à peregrinação e, por último, a 3ª menção honrosa foi atribuída à Luís Figueiredo com o produto Veículo Combate Incêndios – 1ª intervenção em zonas históricas “eléctrico”.

Por último, o prémio personalidade Segurex 2017 foi entregue a Rui Pereira pelo seu contributo para o sector da protecção, segurança e defesa. Rui Pereira foi fundador e primeiro presidente do OSCOT (Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo) e da revista Segurança de Defesa, Foi Diretor-Geral do Serviço de Informações de Segurança, ocupando ao longa da sua vida profissional cargos públicos e privados, incluindo o ensino, tendo recebido inúmeras condecorações.

Inovação, personalidades e empresas distinguidas na 3ª cerimónia de entrega de prémios Tektónica e Segurex 20172018-01-18T10:45:47+00:00

Tektónica 2017 com forte aposta nas conferências ligadas ao sector

De 3 a 6 de Maio, a FIL recebe a 19ª edição da Tektónica, já com 400 expositores confirmados, que ocupará o pavilhão 1 e 2, o pavilhão Multiusos e, ainda, o PT Meeting Center. São várias as empresas de renome do sector que darão vida às actividades da Tektónica 2017, tais como ANFAJE, Caleidoscópio, ARGEX, GYPTEC, MAPEI, APESF, AMPERE ENERGY PORTUGAL, APCMC, EFRIARC, APISOLAR, APEMETA, APICER, CENFIC, ISCTE, entre outras.

O evento oferece aos profissionais a oportunidade de conhecer em profundidade o mercado português e os seus produtos, assim como aceder a uma ampla oferta de marcas que aproveitam esta oportunidade para apresentarem as suas novidades no mercado português.

Durante os 4 dias do certame, realizar-se-ão um conjunto de actividades como conferências, workshops, demonstrações, encontros empresariais, entre outras. Este ano, o País convidado será a Colômbia, mercado seguro para investimento e um dos países da América Latina com maior taxa de crescimento e significativo aumento de consumo e poder de compra.

O programa variado intensificará a experiência de todos os visitantes que queiram alargar o seu conhecimento dos sectores em exposição e dos profissionais que procuram o networking com grandes marcas. A feira líder de Construção em Portugal visa apoiar as empresas, promovendo a Internacionalização do sector da Construção e explorando as oportunidades no mercado nacional.

A Tektónica, é uma feira organizada pela Fundação AIP e, tem como base o factor congregador do mercado, participando activamente em acções que unam o sector através de alguns dos seus agentes principais, tal como as ordens dos Arquitectos e ordem dos Engenheiros ou a CPCI Confederação Portuguesa da Construção e do Imobiliário. A capacidade de reunir estes drives de competências fará dos projectos de construção elaborados e executados por massa critica portuguesa mais competitivos e mais próximos das necessidades dos cidadãos, das cidades, dos países.

 

SECTORES EM EXPOSIÇÃO:

SK – Pavimentos e Revestimentos Cerâmicos, Banho, Cozinha, Pedras Naturais

SIROR – Pedras Naturais

SIMAC – Materiais e Equipamentos para a Construção

TEKGREEN – Eficiência Energética, Energias Renováveis, Construção Sustentável e Responsabilidade Social na Construção

TEKWOOD – Indústria da Madeira e Cortiça para a Construção, Produtos, Máquinas e Serviços

TEK MÁQUINAS – Máquinas e Equipamentos para a Construção e Obras Públicas

 

A 19ª edição da Tektónica decorrerá em simultâneo com o Segurex – Salão Internacional de Protecção, Segurança e Defesa, de 3 a 6 de Maio, na FIL.

Tektónica 2017 com forte aposta nas conferências ligadas ao sector2017-04-28T16:17:38+00:00

Protecção, segurança e defesa são o mote do Segurex 2017

Segurança de Pessoas e Bem, Segurança no Trabalho, Proteção e Combate a Incêndios, Socorro e Salvamento, Segurança na Circulação e nos Transportes, Informática e Comunicações, Entidades Públicas e Organismos do Sector e Defesa são os temas que marcarão a 17ª edição do Segurex

Edição após edição, a Segurex tem vindo a crescer e a 17ª edição não é excepção. O Segurex 2017, a realizar-se de 3 a 6 de Maio, conta com mais 10% de expositores e um programa vasto em temáticas alusivas à protecção, segurança e defesa. O Segurex conta com a participação de empresas líderes nos sectores em exposição, proporcionando aos visitantes o contacto com as novidades neste mercado, de modo a atualizarem o seu networking com fornecedores, distribuidores e representantes oficiais de marcas nacionais e internacionais.

O primeiro dia do certame será marcado pela realização da Conferência “Vídeovigilância em espaços públicos”, um tema atual, sobre o qual se debaterão Entidades públicas e privadas, Gestores de grandes superfícies e espaços públicos como os Estádios de Futebol ou os Hipermercados.

Durante os 4 dias do evento, continuarão a realizar-se um conjunto significativo de actividades conferências, workshops, demonstrações, encontros empresariais, etc. Serão debatidos temas como a protecção respiratória, riscos do trabalhador isolado, as novas tecnologias em luvas de protecção, sistemas de intrusão e incêndio, o essencial da protecção auditiva, entre outras.

Os profissionais terão a oportunidade de conhecer em profundidade o mercado português e os seus produtos, assim como aceder a uma ampla oferta de marcas que aproveitam esta oportunidade para apresentarem as suas novidades no mercado português. Este é um evento marcado pelo forte envolvimento institucional, com a participação do Ministério da Administração Interna, Ministério da Defesa Nacional, Ministério da Saúde, Câmara Municipal de Lisboa, bem como de todas as entidades deles dependentes que intervêm na área da segurança.

A Segurex 2017 decorrerá em simultâneo com a 19ª da Tektónica – Feira Internacional de Construção e Obras Públicas, de 3 a 6 de Maio, na FIL.

Protecção, segurança e defesa são o mote do Segurex 20172017-04-28T15:19:13+00:00

ALIMENTÁRIA & HOREXPO LISBOA 2017 AO SERVIÇO DA INOVAÇÃO, SAÚDE, BEM-ESTAR E PRODUÇÃO NACIONAL

A Alimentaria mudou e apresenta-se este ano com um novo posicionamento focado em 4 eixos fundamentais: Inovação, Saúde, Bem-estar e Valorização da Produção Nacional.

Porquê esta mudança? Para dar resposta às novas necessidades da Indústria, do Consumidor, da Distribuição e do Canal Horeca.

É preciso promover a competitividade da nossa economia, a capacidade exportadora e abertura a novos mercados não tradicionais, a criação de emprego e inclusão social, a promoção de estilos de vida saudáveis, o combate ao desperdício alimentar, bem como salvaguardar a qualidade e segurança alimentar. Sentindo estas necessidades e sendo um player de referência e ponto de encontro obrigatório para toda a industria alimentar, a Alimentaria & Horespo Lisboa 2017 tem, pela primeira vez, uma parceria com 3 Ministérios: o Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, o Ministério da Saúde e o Ministério de Economia.

Uma parceria que vai ao encontro dos novos eixos e da nova estratégia, bem como das necessidades do sector.

Saúde / Bem-estar

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), 80% das doenças cardiovasculares, 90% de diabetes mellitus tipo 2 e 33% de todos os tipos de cancro poderiam ser evitados pela adopção de estilos de vida saudáveis, nomeadamente através de mudanças benéficas nos hábitos alimentares.

O Ministério da Saúde/Direção Geral da Saúde, através do Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável, colocou em marcha a missão de melhorar o estado nutricional da população portuguesa.

A Alimentaria está alinhada com as políticas públicas no que diz respeito à promoção de estilos de vida saudáveis. Até porque a Horexpo, salão que integra a Alimentaria Lisboa desde 2011, tem a capacidade de chegar a todo o canal de distribuição e Food service do país: restaurantes, sector hoteleiro, restauração colectiva, caterings, eventos e espectáculos, etc.

Mas a Inovação também pode ter influência na alimentação e nomeadamente nos estilos de vida saudável.

Inovação / Valorização da Produção Nacional

Outras das principais prioridades políticas atuais é atrair investimento internacional para Portugal, orientado para os sectores produtivos da economia – um investimento “que vem para ficar”. A área agrícola e a indústria alimentar têm dado bons exemplos de sucesso, o que tem contribuído para o desenvolvimento do tecido empresarial em Portugal.

Os ministérios da Agricultura e da Economia articulam-se para o desenvolvimento não apenas do sector agrícola mas de toda a cadeia agro-alimentar, através da Plataforma de Acompanhamento das Relações na Cadeia Agro-alimentar, um importante fórum destinado a promover a discussão e o diálogo entre os diversos actores, desde a produção primária, à indústria e à distribuição de produtos agro-alimentares.

Num momento em que o sector agroindustrial em Portugal está a ter um bom desempenho, a aptidão que o mesmo apresenta para atrair e captar investimento externo nunca foi tão vincada. Com esta iniciativa, a Alimentaria & Horexpo visa contribuir para esta dinâmica, trazendo investidores estrangeiros para conhecerem as empresas nacionais, a capacidade produtiva do país e a qualidade da produção nacional. Por outro lado, representa num palco importante para promover o estabelecimento de parcerias que reforcem o crescimento e competitividade económica do país, estabelecendo sinergias entre setores ligados à agricultura, como o ambiente, turismo, emprego ou qualificação profissional.

A Alimentaria é o local ideal para promover a captação de investimento direto estrangeiro nomeadamente em atividades de inovação que capacitem as empresas nacionais para integrarem as denominadas Global Value Chains, adequando o perfil de especialização à procura interna.

Portugal representa uma orientação exportadora com uma enorme margem de crescimento.

É precisamente por estes motivos que a edição de 2017 da Alimentaria & Horexpo Lisboa se reveste de uma importância particular, que se reflete nestes 4 eixos que se fundem em si e com os programas do Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, do Ministério da Saúde e do Ministério de Economia.

ALIMENTÁRIA & HOREXPO LISBOA 2017 AO SERVIÇO DA INOVAÇÃO, SAÚDE, BEM-ESTAR E PRODUÇÃO NACIONAL2018-01-18T10:45:47+00:00